sábado, 14 de dezembro de 2019

[Resenha] Gossip Girl - Eu Sempre Vou Te Amar | Cecily Von Ziegesar

Autora: Cecily Von Ziegesar
Editora: Galera Record
Páginas: 403
Classificação: 4/5 estrelas
Título Original: Gossip Girl - I Will Always Love You

Blair, Serena, Nate, Dan e Vanessa foram para a universidade. Mas estão de volta para as férias de inverno. Em alguns meses, muita coisa pode mudar, já outras... não mudarão nunca.

Em meia muitas brigas, amores, separações e drama, o centro das atenções continua em um certo triângulo amoroso. Mas será que ele vai continuar sendo um triângulo? Ou alguém vai ficar de fora e finalmente um casal com um final feliz irá se formar? Façam suas apostas... 

Resenha:

"Quanto mais as coisas mudam, mais continuam as mesmas." (pág. 47)

O universo de Gossip Girl é um dos meus favoritos. Sou viciado na série de TV e os livros, apesar de serem bem diferentes da mesma, também me conquistaram. Por isso, ao mesmo tempo que estava curioso para esse livro final, estava triste, pois é o último - além do último do spin-off, Os Carlyle, que também ainda não li.

Esse décimo terceiro livro se passa meses após o décimo primeiro - o décimo segundo é, na verdade, uma prequel - e acompanha vários Natais e ano-novos dos personagens. Não programei, mas lê-lo logo no comecinho de Dezembro só deixou a história mais imersiva e engraçada. Assim como os anterior a partir do oitavo, esse volume não é escrito por Cecily von Ziegesar, mas o novo autor consegue se assimilar muito a sua escrita e ser fiel ao que ela criou outrora. São diversos momentos divertidos e clichês da época, como personagens brigados sendo obrigados a conviverem em um local por estarem presos pela neve.

Além disso, foi interessante ver os personagens na faculdade, de fato, e muitos seguiram carreira diferente do seriado, como Blair, o que deixa alguns acontecimentos serem surpresa, mesmo para quem viu o viu. Há também o retorno de romances dos livros anteriores, o que foi uma surpresa, mas nos lembra ainda mais da série - principalmente um muito popular na série, mas que eu julgava improvável nos livros. Por gostar de todos os mencionados, adorei esses retornos.

O único ponto negativo foi o fato de alguns personagens não amadurecerem. Mesmo com 19 ou 21 anos, eles ainda tomavam atitudes infantis e questionáveis, em especial Blair. Apesar de esse ser o espírito da série, a ironia acima de tudo, teria sido interessante vê-los seguindo um caminho diferente (ironicamente, o personagem que ninguém acreditaria em uma mudança foi quem mais evoluiu!). Apesar disso - e de muitas coisas se desfazerem mais rápido do que começaram, tornando alguns finais diferentes do que eu torcia -, gostei de como tudo foi finalizado. A série de TV é a série de TV e os livros são os livros; o final seguido aqui foi condizente com os anteriores.

No geral, adorei a série. Os livros são divertidos, rápidos e se você estiver procurando uma leitura descompromissada ou querendo sair de uma ressaca literária, eles irão mais do que ajudar - se você gosta da série de TV, então, só será uma experiência melhor. Mas a não ser que seja um livro comemorativo ou algo do tipo, não existe mesmo a necessidade de outros. Eu Sempre Vou Te Amar fechou o ciclo de Gossip Girl da melhor forma possível.

------

#9 - Vai Sonhando 
#11 - Não Me Esqueça
#12 -
O Início: Só Podia Ser Você
#13 - Eu Sempre Vou Te Amar
#14 - Psycho Killer (Releitura do 1º, com os personagens como serial killers)

Nenhum comentário:

Postar um comentário