quarta-feira, 5 de agosto de 2020

[Resenha] Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo - Benjamin Alire Sáenz

Autor: Benjamin Alire Sáenz
Editora: Seguinte
Páginas: 392
Classificação: 4/5 estrelas
Título Original: Aristotle and Dante Discover the Secrets of the Universe

Dante sabe nadar. Ari não. Dante é articulado e confiante. Ari tem dificuldade com as palavras e duvida de si mesmo. Dante é apaixonado por poesia e arte. Ari se perde em pensamentos sobre seu irmão mais velho, que está na prisão.

Um garoto como Dante, com um jeito tão único de ver o mundo, deveria ser a última pessoa capaz de romper as barreiras que Ari construiu em volta de si.

Mas quando os dois se conhecem, logo surge uma forte ligação. Eles compartilham livros, pensamentos, sonhos, risadas - e começam a redefinir seus próprios mundos. Assim, descobrem que o amor e a amizade talvez sejam a chave para desvendar os segredos do Universo.

Resenha:

"O sol do verão não era para garotos como eu. Os meninos como eu pertenciam à chuva."

Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo sempre foi um livro muito bem comentado, por isso eu tinha altas expectativas pela leitura.

Ari e Dante são personagens muito bem construídos e você se apega aos dois desde o início, principalmente Dante. Sua sensibilidade e forma de ver o mundo são muito bonitas e inspiradoras, o que o faz o tipo de personagem para "proteger de todo o mal". Já Ari me irritou algumas vezes, apesar de eu entendê-lo e provavelmente tomar as mesmas decisões que ele nesses momentos – meio hipocrisia, eu sei. Os pais também foi ótimos e interessantes, em especial os de Ari. Foi muito bom conhecer todos, de uma forma geral.

O único ponto que me incomodou foi a condução do ponto-chave da história. Entendi a construção gradual dos personagens e da ligação deles, mas ainda assim acho que Benjamin Alire Sáenz poderia ter sido um "pouquinho" mais rápido. Felizmente, o livro não se resume somente à esse plot e como já disse, a construção dos personagens acaba nos fazendo querer ver mais deles enquanto a trama principal não se conclui.

E a escrita do autor é ótima. Junto aos capítulos curtíssimos – mesmo! –, a leitura voa e é possível finalizá-la em questão de horas. Coincidentemente, poucos dias após eu concluir a leitura, Benjamin anunciou que um segundo livro sobre Ari e Dante será lançado, e mal posso esperar pois gostei muito dos personagens. Que seja tão bom quanto esse!

Um comentário:

  1. Bom dia tudo bem? Sou carioca e procuro novos seguidores para o meu blog. E seguirei o seu com prazer. Novos amigos também são bem vindos, não importa a distância.

    https://viagenspelobrasilerio.blogspot.com/?m=1

    ResponderExcluir